Com quase 30 anos de atuação em Sergipe, a indústria de chuveiros Hydra Aracaju emprega atualmente 1.033 colaboradores e é uma das empresas incentivadas pelo Governo do Estado, através do Programa Sergipano de Desenvolvimento Industrial (PSDI).  A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec) e Codise estiveram presentes na coletiva de imprensa realizada na última quarta-feira, 22, em sua unidade, localizada no bairro Siqueira Campos, na capital, para apresentação de novos projetos da marca que já foi Duchas Corona e hoje faz parte da Duratex S.A. A empresa brasileira, de capital aberto, controlada pela Itaúsa e pela Companhia Ligna de Investimentos, detém ainda as marcas Deca, Durafloor e Hydra.

Responsável pela fabricação de cinco milhões de peças ao ano, a Hydra Aracaju distribui para todo o país vários modelos de duchas e torneiras fabricadas na capital sergipana, onde atualmente desenvolve dois projetos sustentáveis, sendo um voltado para a redução do consumo de água e outro relacionado ao descarte de papelão. De acordo com o diretor da empresa, Luiz Roberto Zanola, a empresa aposta sempre em inovação e qualidade para criar novos designers dos produtos. “Estamos em Sergipe desde 1989, quando iniciamos com as Duchas Corona, adquirida mais tarde, em 2015, pela Hydra e sempre tivemos um relacionamento bastante produtivo com o Governo de Sergipe”, afirmou ao destacar que a empresa recebe incentivos fiscais do PSDI.

Com sede em São Paulo, a Duratex S.A. possui 15 unidades industriais estrategicamente localizadas, nos Estados de Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe. A unidade sergipana,  Hydra Aracaju, funciona em uma área física de 14.323 m², onde são produzidas torneiras frias, além de produtos digitais e eletrônicos que são distribuídos para todo o país e exportados para países da América do Sul, Central e América do Norte.

Autor: Ascom/SEDETEC