Em um momento de muita emoção, o presidente da CODISE, Eugênio Dezen, assinou, junto ao prefeito do Município de Boquim Eraldo Andrade Prefeito e a presidente da Associação de Catadores de Resíduos Sólidos daquele município, Maria Barbosa dos Santos, o termo de doação de um galpão, com objetivo de permitir a instalação de uma política de resíduos sólidos integrada e a melhoria da qualidade de vida e trabalho daqueles cidadãos.

O novo ambiente permite que os catadores trabalhem em situação mais humana e, também, galguem a conquista da licença ambiental autorizativa do trabalho de coleta seletiva, contribuindo para a criação do aterro sanitário e a consequente extinção dos lixões daquela localidade, onde os catadores atuam como agentes importantes na proposta de adequação da política de resíduos sólidos.

Para o fiscal do meio-ambiente, José Costa, “a CODISE dá sua parcela de contribuição na medida que cede o espaço para a acomodação dos catadores e o desenvolvimento das atividades de triagem e separação do material, agregando valor para a geração de emprego e renda para as famílias dos catadores inseridos no processo”.

De acordo com o prefeito do Município, a doação beneficiará muito esses trabalhadores que viviam em situação desumana, desenvolvendo suas atividades em céu aberto. Esse espaço dará uma nova qualidade de vida e de trabalho para eles e consequentemente beneficiará a população da cidade de Boquim, que terá uma cidade mais limpa e com melhor qualidade de vida.

“É uma emoção muito grande conseguir, junto ao Governo do Estado, através da Secretária de Estado do Desenvolvimento Econômico, da Industria e da Tecnologia e da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Sergipe realizar esse sonho da Associação dos Catadores do Município de Boquim” afirmou o Prefeito.

“É um sonho que se realiza” afirmou a Presidente da Associação.

Além de ajudar a proporcionar um ambiente que atende os requisitos de saúde e qualidade de vida para esses trabalhadores, a doação do galpão é requisito fundamental para a obtenção da licença de funcionamento da Associação junto aos órgãos ambientais e a consequente regularização jurídica da atuação dos trabalhadores.

Segundo o Presidente da CODISE, a atividade precípua da empresa é fomentar o desenvolvimento econômico do Estado. Dessa forma, a empresa não poderia deixar de atender os anseios do Município, contribuindo para a geração de empregos e para o desenvolvimento sustentável daquela localidade.

Também participaram do ato de assinatura do contrato o secretário da agricultura e meio ambiente do Município de Boquim, Genivaldo Menezes, o assessor jurídico da CODISE, Flávio Cesar Carvalho Menezes, e o diretor de industrialização, Ronin Marques dos Santos.