Última atualização em 17/05/2024 às 07:48:02

Subsidiária de empresa suíça, Ecomanda Américas poderá receber benefícios através do PSDI

Para debater os incentivos estaduais para instalação de uma indústria de aditivos para combustível em Sergipe, gestores da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec) e da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Sergipe (Codise) receberam nesta quinta-feira, 13, empresários da Ecomanda Américas, subsidiária brasileira da empresa suíça Ecomanda AG. A perspectiva da empresa é gerar cerca de 30 empregos diretos e 180 indiretos no estado. Nos próximos dias, o grupo visitará áreas disponíveis nos municípios de Umbaúba e Carmópolis para estudar a viabilidade dos locais.

O secretário da Sedetec, Valmor Barbosa, destacou que Sergipe está de portas abertas para o empresariado visando ao desenvolvimento do estado e à geração de emprego e renda. “Estamos dando segmento ao planejamento estratégico do governador Fábio Mitidieri, mostrando as potencialidades e oportunidades do estado para a prospecção de negócios, com um ambiente favorável para que as empresas possam vir para Sergipe com segurança jurídica e legislação atualizada. Começamos a discutir benefícios e possíveis áreas, que o empresário visitará nos próximos dias”.

A instalação da indústria tem a perspectiva de ser finalizada em até dois anos. Os produtos gerados pela empresa tem como um de seus focos o agronegócio, pois os aditivos contribuem para a economia de combustível dos maquinários e redução da emissão de carbono na atmosfera, como destaca o CEO da Ecomanda Américas, Antônio Ticianeli. “O mercado agro nos chama atenção porque carece de soluções econômicas. Fabricamos aditivos para combustível e vamos abrir uma segunda linha aqui para fabricação de Arla 32, que é um redutor de emissões de óxidos de nitrogênio (NOx). O Estado tem um projeto de crescimento sustentável e uma infraestrutura que contribui. Será um grande prazer trazer a indústria para cá e fomentar o negócio local”.

PSDI

O presidente da Codise, Ronaldo Guimarães, elencou os incentivos estaduais ofertados pela Companhia para a instalação de novas empresas no estado. “Através do Programa Sergipano de Desenvolvimento Industrial (PSDI), apresentamos o benefício fiscal e o benefício locacional para a Ecomanda, uma empresa consolidada no mercado de combustível e que possui interesse de se instalar aqui em Sergipe. O PSDI é um dos melhores atrativos em  nível nacional para investidores, oferecendo benefícios e competitividade para as empresas no mercado. O próximo passo será localizar uma área que seja de interesse do empresário e também da prefeitura do município que receberá a indústria”.

A reunião também contou com a participação do deputado federal Thiago de Joaldo e do prefeito de Umbaúba, Humberto Maravilha. Para o deputado federal, a vinda da indústria beneficiará o campo de trabalho para a população sergipana. “Estamos com um grupo suíço interessado em vir para a terra sergipana. Discutimos alternativas de locais, onde serão gerados empregos, renda e ocupação para jovens, mães e pais de famílias que precisam de trabalho. Vamos batalhar junto aos órgãos do governo, tanto em nível federal quanto estadual, para melhorar o ambiente de negócios, tornando menos burocrático e mais atrativo para os empresários e gerar riqueza para nosso Sergipe”, finalizou Thiago de Joaldo.