O Nordeste totalizou US$ 15,3 bilhões em exportações de janeiro a novembro de 2017, com aumento de 32% em relação ao mesmo período do ano passado. O resultado representa 7,7% no valor total das exportações brasileiras. Já as importações, registraram acréscimo de 9% e somaram US$ 17,7 bilhões.

Em Sergipe, os produtos exportados totalizaram US$ 84 milhões nos onze primeiros meses do ano. O principal item exportado foi o suco de laranja congelado (36,8%), seguido pelo setor de calçados (28,2%).

Dentre as exportações, todas as categorias de produtos registraram expressivo crescimento. A venda dos produtos básicos, aqueles mais próximos do estado natural, aumentou em 51%, enquanto os produtos semimanufaturados e manufaturados (com maior valor agregado) cresceram 26,9% e 26,5%, respectivamente, no período jan-nov/2017 ante jan-nov/2016. A soja se mantém como principal produto exportado pela região, respondendo por 14% da pauta.

As informações são do Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene), área de pesquisas do Banco do Nordeste, com dados do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços.

Ascom BNB
Foto: Agência Brasil