Com o objetivo de conhecer o Sergipe Parque Tecnológico e de buscar a somação de esforços nas ações de atração de novos empreendimento para o Estado, o Presidente da CODISE, Eugênio Dezen, acompanhado de toda a diretoria da empresa, realizou visita institucional ao SergipeTec, onde foram recebidos pelo Presidente, Manoel Hora, que apresentou toda a estrutura do parque, considerado um dos melhores do País. Na ocasião, ocorrida na segunda-feira, 08, foram discutidas e analisadas as possibilidades de viabilização de parceria entre o SergipeTec e a Codise, afim de fomentar o desenvolvimento de pesquisas – e consequente geração de negócios – nas áreas de Tecnologia da Informação (TI), Biotecnologia, e Energia e Meio Ambiente.

De acordo com o presidente da Codise, Eugênio Dezen, a ideia, a partir desta visita, é ampliar a sinergia entre as duas instituições, por meio da soma de esforços, para mostrar à sociedade todo o potencial científico e tecnológico disponível em Sergipe, com o propósito de atrair mais empresas para o Estado.

“Entre os vários benefícios de se instalar no SergipeTec apresentados, alguns dos que me chamaram mais atenção são quanto à disponibilização locacional e de infraestrutura; oportunidade de pesquisas; localização [ao lado da Universidade Federal de Sergipe], em São Cristóvão; a possibilidade de intercâmbio com vários institutos de pesquisa e outras universidades/faculdades… essa estrutura que o Estado disponibiliza, através do Parque Tecnológico, é algo excepcional, e, com certeza, está entre os melhores espaços de pesquisa, de negócios [incubadora] e de inovação do país!”, parabenizou Eugênio.

Para Manoel Hora, a visita do presidente e da diretoria da Codise é bastante oportuna, especialmente, por acontecer neste momento de novo ano, um novo ciclo de oportunidades e de parcerias, visando fomentar e gerar novas ideias inovadoras na Ciência e Tecnologia.

“É uma parceria fundamental, por envolver dois atores cujas atuações são interligadas e possuem o mesmo objetivo: de movimentar e desenvolver a economia do Estado, por meio da promoção, apoio, expansão, popularização e do empreendedorismo científico e tecnológico. Este último, através dos nossos editais disponíveis para a instalação de empresas de base tecnológica no SergipeTec”, finalizou Manoel.

Equipes – Do SergipeTec, participaram da reunião: os gestores  de Negócio (Marcelo Dósea), de Tecnologia da Informação (Carla Almeida), de Infraestrutura (Cláudio Antunes), de Energia e Meio Ambiente (Francisco Pedro) e de Projetos Sociais (Vitor Vaz). Da Codise: os diretores Industrial (Ronin Marques); Administrativo e Financeiro (José Matos); e de Mineração (Luiz Mário).

Com Informações da Ascom/SergipeTec
Fotos: Ascom/SergipeTec